.: Matérias Wanel Ville 5 :.


.: Editorial :.
 

Fim do ano está aí...
e as suas férias também!

.: Diretor do Wanel Ville recebe representantes de moradores :.

    A iminente mudança no itinerário de uma das linhas de ônibus que serve o Wanel Ville, que passará a atender o Wanel Ville IV, resultado de uma reivindicação da SAB do Wanel II, foi um dos assuntos tratados em um encontro entre Armando Sanches Ponce, diretor do Empreendimento Wanel Ville, Marco Antonio Emídio de Oliveira, presidente da SAB do Wanel Ville II, e Levy Rodrigues Viana, presidente do Conseg-Sul, representando a SAB do Wanel Ville III. A nova possibilidade de ser concretizada a tão esperada interligação do Wanel Ville com a Avenida General Osório, a eleição para nova diretoria da SAB do Wanel Ville III e a motivação para formação de uma SAB para o Wanel I e IV também foram assuntos em pauta durante o encontro.
    Armando disponibilizou-se a encaminhar as reivindicações e sugestões de moradores e proprietários de terrenos do Wanel que têm assuntos a tratar no escritório central da General Carneiro, aos representantes das SABs formadas; colocou-se, também, à disposição para auxiliar, no que for possível, o trabalho, tendo em vista que é indispensável a participação de todos, no sentido de legitimar as reivindicações enviadas aos órgãos competentes.
    O diretor do Empreendimento Wanel Ville recebeu a todos com cordialidade, demonstrando grande interesse pelo trabalho das SABs, o que certamente contribuirá muito para o fortalecimento dos órgãos representativos dos moradores do Wanel Ville.

.: Sistema de monitoramento de rua em estudo :.

    Está em fase de estudo o monitoramento em uma das ruas do Wanel Ville. Trata-se da Rua Ranulpho de Campos Pires, onde mora o presidente do Conseg-Sul.
    Esse sistema, implantado por uma empresa de segurança, consiste em instalar duas ou mais câmeras do lado de fora de residências. Elas ficam posicionadas para que alcancem toda a extenção da rua e ligadas a um computador que grava a movimentação da rua, permanentemente.
    Não haverá custo mensal, apenas a instalação e a simples manutenção do equipamento, o que ficará extremamente barato para cada morador, com efeito inibidor muito grande.
Levy Rodrigues Viana se comprometeu a entrar em contato com os moradores daquela rua para conseguir adesão suficiente, e ter a permissão para instalação do sistema, uma vez que não há impedimento legal algum para tal.
 

.: Muito obrigado! :.

    Agradeço a cada eleitor e eleitora a confiança depositada nas
urnas no último dia 3. Nossa luta por melhorias continua e nosso trabalho não há de parar.
Ao contrário, temos muito trabalho a fazer e para isso continuo à disposição do morador e moradora do Wanel Ville, afinal, nossa luta independe, de partido, como também, de cargos eletivos.

Grato,
Salvador de Castro Silva
(Salvador do Jardim)

.: Obrigado por seu voto! :.

    Caro eleitor, cara eleitora, a você, que acreditou em mim, e depositou o seu voto nas urnas em meu nome, agradeço de coração. Quero continuar me fazendo merecedor da sua confiança e, por isso, meu trabalho junto à nossa comunidade, que você já conhece há anos e confia, continua, sempre com a sua participação.
    Vamos, juntos, dar prosseguimento aos nossos projetos por um Wanel Wille cada vez mais própero.

Jesse Cubas Garcia
(Jessé dos Animais)

.: Faça um check-up do seu carro antes de sair de férias :.

    Estamos cada vez mais perto do período de férias de final de ano. Para quem pretende viajar, é indispensável pensar no estado de conservação do carro, sobretudo se for deixar a cidade com a família e com todo o peso da bagagem. Há itens do motor e de segurança que requerem atenção especial, pois essas viagens exigem demais do carro.
    É nessas horas que alguns probleminhas tendem a aparecer, e procurar serviço mecânico desconhecido, longe de casa, não é o melhor programa para suas férias, com certeza.
    Pedro Trombelli, da oficina mecânica Trombelli, explica que os principais itens são: mangueiras, alinhamento de faróis, sistema de arrefecimento, níveis de óleo do motor, freio, transmissão, pneus, alinhamento e balanceamento de rodas, entre outros.
    Pedro afirma que alguns itens podem ser facilmente checados pelo proprietério do veículo. “Veja se os sulcos dos pneus não estão muito rasos. O risco de aquaplanagem é muito maior quando os pneus estão gastos”, ensina. “Aproveite e faça também o alinhamento, balanceamento e o rodízio dos pneus, se necessário”. Também aconselha a calibrar os pneus de acordo com a carga que será transportada.
    “Não se esqueça do estepe”, ressalva.
    Outro importante item a ser verificado é a correia dentada. “Se ela quebrar, é dor de cabeça na certa”.
    Um check up adequado não dispensa os cuidados com os filtros de ar e do óleo de combustível. “Eles são responsáveis pela retenção de impurezas que entram no motor”.
    Outro item que o proprietário do veículo pode checar sozinho são faróis e luzes de sinalização externa. “Aliás, isso deveria ser checado sempre”.
    Pedro explica que o rendimento e consumo do veículo dependem muito do estado de conservação das velas e cabos, responsáveis pela boa queima do combustível.
    Outro item de checagem indispensável para quem vai pegar a estrada são os amortecedores e suspensão, orienta.
    Mais em conta, e nem por isso menos importante, é a troca regular das pastilhas de freios. “O estado dos discos e o fluído de freio também devem ser verificados.”
    Já o mau estado das palhetas do limpador de pára-brisas pode prejudicar a visibilidade se chover durante a viagem. Para garantir um boa visibilidade, Pedro aconselha colocar um pouco de detergente neutro no reservatório de água do lavador de pára-brisa.

.: Presidente da Associação Comercial de Sorocaba, fala sobre o crescimento do Wanel Ville :.

    Bairro em Foco conversou com o diretor da Associação Comercial de Sorocaba, Braz Cassiolato, sobre a expansão comercial do Wanel Ville. Com experiência no assunto, ele falou sobre a influência dos novos estabelecimentos no crescimento do bairro.
Confira a conversa:
    Em 6 meses, foram abertas 42 empresas, muitas delas de empresários de fora, que investiram muito aqui. A tendência é essa?
    Sim, é a tendência. Empresários de outros centros comerciais estão de olho no crescimento do Wanel Ville, e de acordo com o crescimento, há o investimento.
    Como os pequenos devem fazer para enfrentar a concorrência dos grandes?
    Devem se preparar, investir em conhecimento e treinamento. Por exemplo, nós da Associação Comercial e o Sebrae, oferecemos inúmeros serviços de assessoria e treinamento gratuito aos pequenos empresários, e temos inúmeros testemunhos de sucesso de empresários que procuraram nossos serviços.
    Bairro em Foco divulga tais serviços. Esses empresários têm procurado informações?
    Por uma questão cultural, não, infelizmente, mas estão sabendo, com certeza, que esses serviços existem. Apenas não tomam iniciativa.
    Há espaço para todos, ou a tendência é os pequenos desaparecerem gradativamente?
Depende do segmento. Na prestação de serviços sempre haverá espaço para todos; no comércio varejista, a concorrência é mais acirrada, e só sobrevive quem oferece algum diferencial.
    Por que isso ocorre?
    A tendência do pequeno empresário é isolar-se, conformar-se, ou achar que sabe conduzir seu próprio negócio muito bem, sem o apoio de especialistas.
    Muitos empresários investem em si próprios (carros, status, etc) e não em suas empresas, que é de onde vêm os recursos para tal. Esses empresários são a maioria? Qual o destino deles?
    Uma grande parte de empresários descapitaliza a própria empresa em detrimento do consumismo. A tendência deles é sucumbir, pois perdem o poder de acompanhar a evolução natural.
    Qual o índice de fechamento das pequenas empresas?
    33% no primeiro ano de atividade e 60 % nos primeiros cinco anos. Na maioria dos casos, esses empresários consomem todas as suas reservas e voltam ao mercado de trabalho como funcionários. Mas isso não acontece com os que têm realmente visão do negócio. Esses tendem a prosperar.
    Quem são os concorrentes dos comerciantes do Bairro?
    Todos. Os meios de comunicação são de fácil acesso, e as ofertas de comerciantes da cidade toda chegam ao conhecimento dos moradores, os serviços delivery e a facilidade de locomoção favorecem o consumidor a adquirir produtos e serviços de fora. O consumo no comércio do bairro é apenas mais uma opção.
    Quem ganha mais com o jornal Bairro em Foco: o morador ou o comerciante?
    Ambos. O morador porque o Jornal leva informações sobre o bairro, matérias diversas e é uma forma de conhecer as empresas existentes onde ele mora. E para o empresário, porque é um investimento acessível de divulgação ao principal público-alvo.
    Adianta anunciar sem ter um bom produto ou preço competitivo?
    Não. O comerciante, no máximo, atenderá uma única vez o cliente. Existem pesquisas que indicam que um cliente insatisfeito afasta outros seis, e um cliente satisfeito atrai apenas mais dois.
    Quais as dicas que o senhor daria aos empresários do Wanel Ville?
    Divulgem os seus produtos, os seus serviços, mas sempre tendo em mente que a propaganda não faz milagre. Ela só é válida quando o que está sendo anunciado vale à pena. Aprimore-se. Não seja mais um no seu segmento. Crie um diferencial. Invista em qualidade, bom atendimento. Seus funcionários têm que acreditar na empresa, na importância que ela tem para o bairro, para o comércio e para o cliente. Se o funcionário não acreditar que o serviço é bom, que o produto é bom, ele não conseguirá fazer com que o cliente também acredite. E é mais fácil acreditar no que é verdadeiro, real. Então, tenha um produto verdadeiramente bom, um serviço e atendimento realmente bons...e faça isso chegar ao consumidor.

.: Bom presente requer criatividade :.

    Natal, aniversário, Dia das Mães...muitas dessas datas podem representar dor de cabeça para pessoas que, por um motivo ou outro, sempre encontram dificuldades para escolher o presente certo a quem deseja agradar.
    Porém, comprar um presente diferente pode ser divertido quando a pessoa tem disposição para encontrar algo interessante, que ela gosta de dar e que a outra vai adorar receber.
    Conhecer a personalidade de quem vai receber aquele belo pacote embrulhado com capricho, seus gostos, suas peculiaridades, é indispensável. Visite locais diferentes como alternativa às lojas convencionais. Outra possibilidade é procurar novidades em brechós, casas de antiguidades, lojas de produtos exotéricos ou as que trabalham com linhas exclusivas.
    Durante as viagens, evite as lojas típicas para turistas. Se for ficar algum tempo na cidade, consulte alguma pessoa de sua confiança, pedindo para ela te levar para conhecer as lojas típicas ou bem conceituadas do lugar. Quando achar algum artigo diferente, que pareça ter tudo a ver com a personalidade de alguém que você pretenda um dia presentear, compre-o imediatamente. Essa preciosidade pode ficar guardada, esperando aquela data especial.
    Há presentes que podem ser dados em forma de serviços, e agradar e muito a pessoa que o receba: uma passagem de avião para o local que a pessoa deseja conhecer, diárias de fim de semana em hotel ou pousada, uma massagem anti-stress, um tratamento de beleza ou um ingresso para uma peça de teatro. Tudo depende da pessoa, da amizade ou tipo de relacionamento em questão.
 

.: Bom Exemplo :.

    Entre os empresários do bairro que não perderam tempo e já procuraram os serviços gratuitos do Sebrae, está o proprietário da Drogaria Wanel Ville, Hélio Sandro.
    Se você ainda não conhece o Sebrae e não se informou sobre os serviços existentes à sua disposição, à disposição da sua empresa e de seus funcionários, procure o Sebrae pelo telefone 3224-4342, e deixe seus clientes mais satisfeitos, como está fazendo o proprietário da Drogaria Wanel Wille.
    Pois quem utiliza os serviços do Sebrae faz a diferença, e isso a clientela percebe na hora.

 

.: Férias - A primeira vez de um cão :.

    Fim de ano se aproximando, significa, pra muita gente, viagem de férias chegando. Para os donos de animais, como cachorros que nunca viajaram antes, o plano das férias exige alguns cuidados especiais que, se seguidos corretamente, podem ser a garantia de muita diversão com o animal.
    Faça a mala do seu dog: alguns brinquedinhos com os quais ele está acostumado, os recipientes de ração e água e, principalmente, o pano ou almofada em que costuma dormir.
Esse item é indispensável para que ele se adapte ao seu novo habitat de férias. Ao chegar, escolha um lugar onde pretende deixar o animal e coloque todos os seus pertences ali. Ele logo vai entender que aquele é o seu cantinho.
    Antes da viagem, não deixe que o animal se alimente. Se a viagem for longa, que se alimente em pequenas quantidades antes e durante a viagem, em horários de parada. Faça as paradas em intervalos de 2 horas para que o animal possa sair do carro, tomar um pouco de água e fazer suas necessidades.
    Como há estabelecimentos comerciais que não permitem a entrada de animais, muita gente acaba deixando o cachorro sozinho no carro. Esse período de solidão pode ser desgastante para o seu cão. Caso seja necessário deixá-lo no carro, escolha um lugar à sombra e deixe uma fresta de cada janela aberta para ventilar. Não fique longos períodos longe dele nessa situação.
    Alguns animais não toleram viagens longas. Eles podem apresentar náuseas, nervosismo e estresse. Há medicamentos que ajudam a amenizar esses sintomas. Em regiões litorâneas, o cuidado deve ser maior. Um bom veterinário poderá fazer a prescrição.
    Música alta, com certeza, é um dos fatores de estresse, sobretudo quando a família toda está no veículo conversando o tempo todo.
    A primeira vez é sempre um teste. O sucesso dessa primeira viagem pode determinar a adaptação do seu animal para muitas futuras viagens. Daí, a importância de planejar tudo muito bem, pois a presença do seu animal com a família pode tornar as férias muito mais divertidas, além de evitar aquela dor da separação de ter que deixá-lo em casa durante esse período.
 

.: voltar :.