.: Wanel Ville e Cia 38 :.

 
Editorial

Jornal Bairro em Foco estreia nova coluna

A edição do Wanel Ville & Cia que você está lendo agora chega com uma nova coluna: Garota Enxaqueca! Nesse novo espaço, o Jornal Bairro em Foco quer trazer um pouco de humor para os seus leitores! Pelo menos esse é o objetivo da Garota Enxaqueca: uma personagem muito indignada, principalmente com a política nacional, e que foi inspirada na conhecida série que passava numa emissora de televisão especializada em música, chamada Garoto Enxaqueca! O Bairro em Foco espera que a Garota Enxaqueca, além de provocar umas boas risadas em nossos leitores, ajude-os a refletir sobre o futuro do nosso país, porque acreditamos que todos nós desejamos uma sociedade melhor para nós, nossos filhos, netos, bisnetos... Por isso, leia, opine e comente o que você achou sobre a coluna da Garota Enxaqueca. Confira no Expediente, ao lado, o nosso endereço de e-mail e mande a sua opinião!
Em função da nova coluna, o Jornal Bairro em Foco agradece imensamente a colaboração, durante várias edições, da psicóloga Christiane M. T. Araújo que, gentilmente, escreveu ótimos textos, ajudando nosso leitor a refletir sobre os conflitos psicológicos do dia a dia, no espaço “Pergunte para a Cris”. O Bairro em Foco acredita que atendeu a todos os leitores que precisaram de uma orientação psicológica, respondendo as dúvidas e perguntas que nos foram enviadas, e, por isso, a coluna não será mais publicada.
O Jornal deseja, cada vez mais, trazer novos espaços e colunas, com conteúdo de qualidade e que verdadeiramente agrade nossos leitores e seus anseios. E com esse objetivo em mente, as novidades estão chegando ao Bairro em Foco. Já lançamos o Espaço e a Agenda do Empreendedor, divulgando informação especializada para orientar os empreendedores da Zona Oeste e fortalecer o comércio local. Se você leu no jornal e foi até o Sebrae buscar informação ou fez algum dos cursos oferecidos gratuitamente, escreva para o Bairro em Foco e nos conte a sua história: bairroemfoco@terra.com.br
Boa leitura!

Ana Claudia Martins



  .: Programa de Erradicação do Trabalho Infantil atende no Ipiranga :.

Quando veio morar em Sorocaba há pouco mais de um ano, no bairro do Mineirão, Everton de Paula Oliveira, 14 anos, não podia imaginar o muito que iria aprender neste período. Diferentemente de quando precisava ajudar no sustento de sua família, depois da escola, o garoto atualmente frequenta aulas de informática, dança, artesanato e futebol. O estudante está entre as 50 crianças e adolescentes atendidos pelo Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), desenvolvido pela Prefeitura de Sorocaba no Centro de Integração Social (CIS) do Jardim Ipiranga.
O Peti é um programa do Governo Federal viabilizado em parceria com os municípios, que visa erradicar o trabalho entre as crianças e adolescentes de 7 a 15 anos de idade. De segunda à sexta-feira, eles vão ao CIS Ipiranga em horário diferente ao da escola onde assistem às aulas, tomam café da manhã ou um lanche da tarde, almoçam e recebem passe de ônibus. A Prefeitura ainda mantém assistência às famílias, com concessão de cesta-básica, atendimento social, reuniões mensais com os pais, para avaliação das crianças e frequência escolar.
Antes de integrar o Peti, Everton havia aprendido com a família a fazer chaveiros com miçangas, conhecimento que pode ensinar aos amigos nas aulas de artesanato. Além disso, foi nestas aulas que ele aprendeu a fazer cachecóis e tapetes, com os quais presenteou a mãe. “Também gosto muito da aula de informática porque, antes, não sabia nem mexer no computador”, explica.
Apesar de ser atendido pelo programa há bem menos tempo, Cleiton Rodrigues, 13 anos, já sentiu bastante diferença em sua rotina em pouco mais de um mês. Agora, além de aprender informática, cidadania, meio ambiente e artesanato, ele pode continuar a jogar futebol, como costumava passar suas tardes no Nova Esperança. “Mas aqui é bem melhor jogar futebol, pois temos ajuda do professor, ao invés de ficar o dia inteiro na rua”, destaca.

Acompanhamento permanente

Em Sorocaba, a Secretaria da Cidadania (Secid) encaminha para atendimento casos identificados por meio de rondas com assistentes sociais ou de ações do Conselho Tutelar, por exemplo, em feiras-livres, comércio ambulante, coletas de recicláveis ou como engraxates e flanelinhas. Por meio do cadastro das crianças, ainda é possível encaminhá-las para outros atendimentos, por exemplo, médico, psicológico e reforço escolar.
A chefe da Seção de Apoio à Criança e Adolescente da Secid, Telma Durão Mendes, explica que o atendimento do Peti acontece por no máximo quatro anos, sendo que depois os jovens são encaminhados para outros programas de qualificação profissional, visando sua colocação no mercado de trabalho. “Através destas atividades, as crianças acabam tendo interação entre elas, sabendo dividir entre o grupo e respeitar o valor de cada um, não se sentindo excluídos”, destaca.




.: Gestantes recebem atenção especial no CS do Wanel :.

As gestantes que recebem atendimento e fazem o pré-natal no Centro de Saúde do Wanel Ville II podem participar de um grupo de mulheres grávidas, especialmente criado para oferecer orientação e cuidado especial às futuras mamães e seus bebês. O grupo de gestantes faz parte do “Projeto Novas Gerações”, que é realizado em várias Unidades Básicas de Saúde (UBS), em Sorocaba. Uma equipe multiprofissional, composta de médicos, enfermeiras, dentista, assistente social, e psicóloga, orienta e promove atividades específicas para as mulheres grávidas.
No Centro de Saúde do Wanel Ville II, os encontros acontecem a cada 15 dias, às sextas-feiras, na própria unidade, e durante uma hora e meia, as futuras mamães assistem a uma palestra. Em seguida, elas tiram dúvidas com os profissionais de saúde e recebem um lanche, oferecido pela Prefeitura Municipal. No dia 8 de outubro, as gestantes receberam orientações sobre amamentação. Segundo a enfermeira Lívia N. de Castro Sales, qualquer gestante pode participar do grupo e todas as atividades são gratuitas. “Todas as grávidas que começam o pré-natal na unidade, imediatamente já recebem um convite para participar do grupo”, afirma.
O Centro de Saúde fica na Rua Alexandre Caldini, 442. Mais informações, pelo telefone: 3202-1662. Confira a programação dos próximos encontros e participe: 29/10: Vínculo mãe e bebê; 12/11: Cuidados com o bebê; 26/11: Autoestima, e 17/12: Confraternização.


.: Alunos da EM Oswaldo Duarte passam por consulta oftalmológica :.

O ônibus da equipe do Hospital Oftalmológico de Sorocaba (HOS), que atua em parceria com o programa “Escola Saudável”, continua percorrendo as escolas municipais para atendimentos oftalmológicos aos alunos. No dia 13 de outubro, 100 alunos da EM Oswaldo Duarte, no bairro Wanel Ville II, que já fizeram a primeira triagem e nos quais foi constatada a necessidade, passaram por consulta oftalmológica na unidade móvel do HOS.
O Programa Escola Saudável tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento das potencialidades físicas, psíquicas, cognitivas e sociais dos estudantes, professores e pessoas que se relacionam com a comunidade escolar por meio de ações pedagógicas, de prevenção de doenças e promoção de saúde. Os agentes do programa, 27 auxiliares de educação, ajudam a detectar precocemente problemas que possam levar a alguma perda de visão, melhorando a aprendizagem e o desempenho escolar. No total, os agentes do “Escola Saudável” realizaram testes em quase 15 mil alunos durante os primeiros seis meses deste ano. Deste número, foi constatado que 2.100 alunos necessitavam passar por consulta oftalmológica.
Rejane Alves da Silva é moradora do bairro Ipiranga e levou seu filho, Gustavo Gabriel Alves da Silva, 10 anos, para a consulta oftalmológica na unidade móvel. “Ele passou pela triagem e foi indicado para a consulta. “Achei excelente essa oportunidade de passar pelo oftalmologista de graça aqui na escola”, destaca ela.
O programa atende 163 escolas da rede pública da cidade, sendo: 38 municipais de Ensino Fundamental (7 a 10 anos); 88 municipais de Educação Infantil (4 meses a 6 anos), e 38 estaduais de Ensino Fundamental (7 a 10 anos), totalizando 54.198 alunos. Segundo Paula Rita de Barros Lara de Castro, do “Escola Saudável”, o atendimento nas escolas é muito importante para detectar precocemente problemas visuais nos estudantes, que possam levar a alguma perda de visão e, consequentemente, comprometer o desempenho escolar.



.: Alunos da EM Benedito José Nunes participam do Roteiro Educador :.

Estudantes de 8 escolas municipais do programa Escola em Tempo Integral – Oficina do Saber participaram até o dia 8 de outubro de mais uma etapa do Roteiro Educador de Sorocaba. A atividade consiste em visitas monitoradas a locais como o Mosteiro de São Bento, Estação de Tratamento de Água (ETA) do Cerrado, Centro Administrativo (Prefeitura e Câmara) e o Centro Cultural Quilombinho. 
Em setembro, conforme a programação, várias classes de alunos conheceram os quatro pontos já mapeados do Roteiro Educador. No dia 27, 40 alunos da EM “Benedito José Nunes”, do bairro Parque Esmeralda, estiveram no Centro Cultural Quilombinho para aprender sobre a valorização e a difusão da cultura afro-brasileira.
Estudantes das EMs “Darlene Devasto”, do Jardim Atílio Silvano, e “Edmir Digiampetri” (Vila Barão) também visitaram o Mosteiro de São Bento.
No dia 28, duas turmas da EM “Edemir Digiampietri”, da Vila Barão, conheceram o Espaço e o Mosteiro de São Bento, uma das construções mais antigas de Sorocaba. Nos dias 29 e 30, alunos da EM “Osvaldo de Oliveira”, do Jardim Jatobá-Éden, visitaram a Estação de Tratamento de Água (ETA) do Cerrado.  
E nos dias 1 e 8 de outubro, estudantes das EMs “Genebra”, “Edward Frufru Marciano da Silva” (Jardim. Botucatu) e “Inês Rodrigues Cesarotti” (Bonsucesso) visitaram o Centro Cultural Quilombinho, Espaço São Bento, respectivamente. Na Câmara, eles conheceram o mural dos presidentes, a história do Legislativo e assistiram a uma palestra que aborda o trabalho dos vereadores.
O Roteiro Educador de Sorocaba consta da grade curricular da Rede Municipal de Ensino. Monitoradas, as visitas são pré-agendadas e, durante a viagem de ida ao ponto, o professor conta a história ou descreve sobre o local a ser visitado. Para melhor aproveitamento, em sala de aula e antes de acompanhar os alunos em cada passeio, o professor se prepara para repassar uma boa informação e conhecimento da história da cidade, os personagens e a representação sociocultural, bem como a importância dos pontos a serem visitados para a Cidade Educadora.


.: Legislação trabalhista: conheça seus direitos :.

Diante da considerável margem de informalidade no trabalho que assola o país, grande parte da população não tem conhecimento de seus direitos trabalhistas básicos assegurados pela Consolidação das Leis do Trabalho e pela própria Constituição Federal.
São considerados empregados em nosso país aqueles que prestam serviços com habitualidade (frequência), pessoalidade (exclusividade), subordinação (cumprindo ordens), e mediante remuneração (salário). Neste contexto, poucos trabalhadores sabem que legalmente o empregador tem o prazo de 48 h para efetuar o competente registro da CTPS, sob pena de multa. Porém, a grande dúvida do trabalhador surge quando é chegado o momento da assinatura do termo de rescisão do contrato de trabalho (TRCT). Geralmente, indagando-se, o que receber? Ou, quanto receber?
Em linhas gerais, são estas as verbas devidas ao empregado que pede demissão: saldo de salário (dias que o empregado trabalhou e não recebeu); décimo terceiro salário proporcional (aos meses trabalhados); férias proporcionais (aos meses trabalhados, acrescidas de 1/3).
Já ao empregado que é dispensado sem justa causa são devidas as seguintes verbas: aviso prévio (valor de 30 dias de trabalho); saldo de salário (dias que o empregado trabalhou e não recebeu); décimo terceiro salário proporcional (aos meses trabalhados); férias proporcionais (aos meses trabalhados, acrescidas de 1/3); multa de 40% sobre o valor depositado na conta vinculada do empregado (FGTS); saque do FGTS depositado na Caixa Econômica Federal; seguro desemprego para quem trabalhou mais de 6 meses e desde que respeitada a carência legal.


Alexandre Araujo – OAB/SP 268.851
Advogado especialista em Direito Corporativo pela Universidade de Franca-SP.
R. Benedito F. Telles, 432, Jd. Simus, tel: 3318-4656.




.: Residencial Ipatinga é declarado Área de Interesse Social (AIS) :.

O projeto de lei nº 370/2010, protocolado pela Comissão de Habitação e Regularização Fundiária da Câmara de Sorocaba, foi aprovado por unanimidade pelos vereadores e sancionado pelo prefeito Vitor Lippi no dia 20 de setembro. Com isso, o Residencial Ipatinga, na Zona Oeste da cidade, e mais 5 bairros foram transformados em Áreas de Interesse Social (AIS). A nova lei obriga o município a investir recursos públicos na regularização de núcleos urbanos formados a partir de invasões e de loteamentos irregulares.
A partir da transformação em AIS, a Prefeitura de Sorocaba terá que proporcionar infraestrutura no local e a reconhecer o domínio dos ocupantes sobre as respectivas áreas. Além de investir em redes de água, esgoto, iluminação pública e asfalto, o município ainda poderá desapropriar áreas particulares para transferir a posse aos moradores. Enquanto os moradores do Residencial Ipatinga aguardam pela regularização fundiária definitiva, algumas melhorias estão sendo realizadas no local, por meio da atual administração do condomínio: o síndico Dirceu Ribeiro, que há quase 2 anos administra a área comum de 256 apartamentos.
Elisabete Lemos mora há 10 anos no Residencial Ipatinga e afirma que houve um grande progresso no local. “Peguei a fase de racionamento de água, o que foi muito ruim. Agora isso não acontece mais. A única coisa que gostaria é de garagem coberta”, afirma ela. O morador Acássio Brizola, há apenas um ano no Ipatinga, também gostou muito da pintura dos blocos, mas disse que ainda falta melhoria na segurança. “Melhorou bem a aparência, antes era muito feio, mas a parte da segurança precisa melhorar. Não temos interfones e a entrada de pessoas no local precisa ser mais rigorosa”, disse.
Sílvia Carriel mora há 3 anos e tem um comércio na rua em frente ao Residencial Ipatinga e confirma a melhoria realizada no local. “Antes era comum os moradores se desentenderem por causa da falta de água e jogavam lixo e móveis usados num terreno aqui na rua. Hoje isso não acontece mais, está tudo tranquilo”, destaca ela. Sílvia acredita que a atual administração do condomínio ajudou a melhorar a qualidade de vida dos moradores.
O administrador afirma que foi feito um bom trabalho de manutenção e conservação dos blocos e das áreas comuns, o que resolveu o problema da falta de água, beneficiando 496 famílias, melhorou a aparência do local com a pintura dos prédios, além de outras melhorias. Segundo ele, já existe o projeto para colocar interfones em 2011, e não há problemas com a segurança.“Houve uma união muito grande entre os moradores e a atual administração. Também conseguimos baixar a inadimplência do condomínio para 20% e a finalização da pintura deverá ser concluída até o final do ano”, disse.
Assim que o Residencial Ipatinga estiver totalmente regularizado os moradores passarão a pagar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), gerando receita para a Prefeitura de Sorocaba.


.: Estudantes fazem reportagem sobre o Wanel Ville :.

Um grupo de estudantes do 2° ano do Ensino Médio da ETEC Rubens de Faria e Souza fez uma reportagem sobre o bairro Wanel Ville, que foi apresentada para os demais colegas em sala de aula. O objetivo do trabalho é que os alunos possam conhecer melhor a região onde moram, seus pontos fortes e fracos, entre outros, e faz parte do Projeto “Conhecer a cidade para exercer a cidadania”, da disciplina Serviço de Informação e Comunicação (SIC), criado pela professora Wanir Pereira da Silva Betanho.
Durante os meses de agosto e setembro, os estudantes Bárbara S. da Silva, Jhonatas Ximenes, Letícia de Lima, Lívia Gomes, Maria Fernanda Moreira e Vanessa Rodrigues entrevistaram moradores e comerciantes do bairro e levantaram informações com órgãos públicos sobre a história do local, além de dados sobre saúde, educação, transporte, segurança e geração de empregos. Para a professora Wanir, além de conhecer melhor o bairro onde vivem, o trabalho propiciou aos alunos desenvolver o senso crítico, bem como aprender a escrever melhor.
De acordo com o trabalho realizado pelos estudantes, o bairro Wanel Ville continua em expansão, já está na fase 5, com boa infraestrutura, mas com serviços de saúde e segurança pública escassos. Para os alunos que realizaram a reportagem, os moradores e comerciantes do bairro se importam mais com a qualidade dos serviços públicos prestados pela Prefeitura de Sorocaba, do que com a quantidade dos mesmos. Além disso, eles afirmam que os moradores admiram o modelo de pavimentação, organização e a beleza das ruas e avenidas do Wanel Ville e afirmam que o bairro é um “lugar de gente feliz”!


.: Foco Social - Paula Pacheco :.

.: Pedido de Aposentadoria e Revisões :.

Muitos trabalhadores brasileiros, após contribuírem durante toda a sua vida para o INSS, sonham em receber a tão almejada Aposentadoria de forma rápida e com salário digno, que atenda as necessidades básicas ao longo da vida. Entretanto, não é o que ocorre, pois na grande maioria dos casos, mesmo tendo direito a Aposentadoria, seja por Tempo de Serviço/Contribuição seja por Idade, o pedido é indeferido. Fato é que, após procurarem um advogado especializado, tomam conhecimento que há muitos anos poderiam ter se aposentado.
Diante das exigências feitas pelo INSS, bem como diante da fragilidade do trabalhador, é indispensável a orientação de um advogado especialista em Direito Previdenciário, momento em que o respectivo profissional irá realizar estudo do tempo de contribuição/serviço, providenciar a documentação necessária, assim como irá apurar o valor a ser recebido, tudo em conformidade com o direito do trabalhador.
Os aposentados e pensionistas, em determinados casos, também por desconhecimento de lei, recebem benefício com valor menor que o devido. Daí a explicação para as inúmeras revisões de benefícios existentes tanto no INSS como na Justiça. Ao conceder o benefício, o governo acaba cometendo injustiças no cálculo da renda inicial dos aposentados e pensionistas do INSS.
Por ser Especialista em Direito Previdenciário e defender os direitos dos Aposentados já há alguns anos, recebo em meu escritório, muitas pessoas reclamando do baixo valor recebido, momento em que é realizado um estudo para verificar a possibilidade de revisão, onde na maioria das vezes se confirma o direito à revisão do benefício. Confirmado o erro do cálculo do benefício pelo INSS, é possível aumentar o valor da aposentadoria por meio de ação judicial, inclusive receber os últimos cinco anos corrigidos. Existem inúmeras revisões para aumentar o valor do benefício, informe-se.
Cláudia R.S. Oliveira Killian
Advogada Especialista em Direito Previdenciário pela EPD-SP - OAB-SP 286.065 - F: 3232-2711 / 3326-1076
Rua Duque Estrada, 209 - Vila Olímpia



.: Atendimentos de cidadania beneficiam moradores do Ipiranga :.

Os moradores do Jardim Ipiranga, na Zona Oeste, estiveram mais próximos dos serviços públicos prestados pela Prefeitura de Sorocaba, no dia 9 de setembro. O bairro recebeu a visita da unidade móvel da Secretaria da Cidadania (Secid) e dos ônibus da Mulher e do Homem, que permaneceram estacionados, em frente ao Centro de Integração Social (CIS). Entre a manhã e o início da tarde, muitos moradores que foram até o trailer para esclarecer dúvidas sobre o Bolsa Família, a Câmara de Mediação e o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) também aproveitaram para verificar a saúde.
O vigia Antônio dos Santos foi um dos que procurou o trailer para atendimento pela Câmara de Mediação, onde esclareceu dúvidas referentes à regularização da partilha de um terreno. Após saber da presença do Ônibus do Homem, aproveitou para fazer exame preventivo do câncer de próstata, assim como avisou sobre os serviços aos dois irmãos que também moram no bairro. “Como trabalho à noite, fica difícil ir até outro lugar da cidade para ser atendido durante o dia. Aqui no bairro foi mais fácil de a gente procurar atendimento. Fui muito bem atendido”, destaca.
Já a auxiliar-administrativa Priscila Rodrigues buscou informações sobre a atualização cadastral do Bolsa-Família, benefício recebido por sua irmã, e a possibilidade do cadastramento de um sobrinho, que agora é criado por sua mãe. “Consegui tirar algumas dúvidas de forma rápida, enquanto esperava minha irmã sair da escola. Foi bem mais fácil do que se precisasse ir até a Prefeitura”, compara.
A unidade móvel da Secid iniciou suas atividades no dia 12 de agosto, quando realizou cerca de 100 atendimentos no bairro Ana Paula Eleutério. De acordo com a secretária da Cidadania, Maria José de Almeida Lima, a transferência da Secid para o Centro buscou facilitar o atendimento à população, e a unidade móvel visa ampliar ainda mais essa prestação dos serviços. “A Secid está no Centro, com acesso fácil pelos dois terminais, mas existem bairros que precisam de um atendimento mais específico. Então, nestes lugares, nós estaremos com o trailer, visitando os bairros que mais precisam”, explica. A Secid fica na Rua Santa Cruz, 116, no Centro, próximo ao Terminal São Paulo.


.: Casas do Cidadão ganham serviços da CPFL em novembro :.
As 6 unidades das Casas do Cidadão irão oferecer os serviços da CPFL a partir de novembro, inclusive, a opção de pagamento da conta de energia nos locais. O anúncio foi feito no dia 6 de outubro pelo secretário de Planejamento e Gestão, Rodrigo Moreno, após reunião com Alexandre Hugo de Morais, gerente da empresa de energia elétrica. “É mais um serviço fundamental que esta administração faz chegar a várias regiões da cidade, facilitando a vida do munícipe”, explica Moreno.
A CPFL irá instalar um guichê com funcionários em cada uma das unidades das Casas do Cidadão, para atender os moradores em todas as necessidades ligadas ao fornecimento de energia elétrica. Além disso, o local irá emitir segunda via de conta de luz, consultar débito, pedir religação de energia, realizar validação cadastral e pagar a conta da CPFL. “Os novos guichês também significarão uma comodidade adicional para o munícipe, pois além das contas de luz, o cidadão poderá quitar boletos bancários diversos, pagar contas de telefone e de água, e recarregar celulares pré-pagos”, esclarece o secretário de Planejamento e Gestão.
A inclusão dos guichês da CPFL aos serviços oferecidos pelas Casas do Cidadão vem reforçar o objetivo das unidades: garantir atendimento aos moradores sem que eles precisem se deslocar das regiões em que residem e percorrer diversos órgãos. O novo serviço também é uma alteração significativa nas Casas do Cidadão, que há cerca de um mês receberam a contratação de 16 novos servidores concursados para integrar as equipes de atendimento. As unidades já oferecem serviços dos órgãos municipais, do Saae, da Urbes e dos Correios em um só local.
A Casa do Cidadão na Zona Oeste funciona no bairro Ipiranga, de segunda à sexta-feira, das 9h às 16h, na Rua Estado de Israel, 424.


.: “Contação de Histórias” acontece no Jardim Ipiranga :.

Um bom cadastro dos clientes da sua empresa pode ajudar a aumentar suas vendas. É isso mesmo! O cadastro de clientes é uma importante ferramenta de relacionamento.
Um bom cadastro é aquele que permite identificar oportunidades de vendas a partir de informações relevantes sobre o cliente. O cadastro de clientes precisa ter três pontos básicos. O primeiro é a identificação do cliente, com nome, telefone, endereço. Não esqueça a data de nascimento, isso é muito importante. É necessário também haver uma área específica para incluir o perfil e o potencial de consumo do cliente. Por exemplo, uma agência de turismo precisa saber a época em que o cliente costuma viajar, se gosta de fazer viagens longas ou curtas, se prefere ir para a praia ou para o campo. A sua empresa também pode aproveitar essa informação!
E finalmente o terceiro ponto: o histórico de compras do cliente, ou seja, que tipo de produto ele comprou e quanto gastou. Juntando essas informações, o empreendedor pode identificar oportunidades de novas vendas ou fazer promoções de acordo com o perfil do cliente. Para o consultor do Sebrae-SP, Gustavo Carrer: “quando você conhece bem o perfil de seus clientes, o sucesso das vendas é sempre maior. Basta utilizar critérios como frequência e valor dos negócios já realizados”, afirma o consultor. Lembre-se um cadastro bem organizado não vende por si só, mas é um importante apoio de vendas! Saiba mais no www.sebraesp.com.br


.: Agenda do Empreendedor :.

O Escritório Regional do Sebrae/Sorocaba oferece gratuitamente oficinas e palestras sobre temas relacionados à gestão empresarial. As inscrições devem ser feitas com antecedência pelo telefone: 3224-4342..Confira a programação e participe!
Programação do mês de novembro:
Dia 5 – Qualidade no Atendimento ao Cliente (19h às 21h), Desenvolva sua Empresa (19h às 22h)
Dia 9 - Micro Empreendedor Individual (10h às 12h), Equipe Motivada (19h às 22h)
Dia 10 – Fluxo de Caixa (14h às 18h), Entendendo Custos, Despesas, Preço de venda (19h às 21h)
Dia 11 – Pesquisa de Mercado (10h às 12h), Como divulgar sua empresa (14h às 16h)
Dia 22 – Invista no Planejamento (19h às 22h)
Dia 23 – Desperte seu Potencial (19h às 22h)
Dia 25 – Administração Básica (10h às 12h), Ganhe Mercado (18h30 às 22h30)
Dia 26 – Qualidade no Atendimento ao Cliente (19h às 21h), Entendendo Custos, Despesas, Preço de venda (19h às 21h)
Dia 29 – Fluxo de Caixa (18h30 às 22h30)
Programação do mês de dezembro:
Dia 2 – Ganhe Mercado (18h30 às 22h30), Equipe Motivada (19h às 22h)
Dia 6 – Fluxo de Caixa (14h às 18h), Invista no Planejamento (19h às 22h)
Dia 7 – Desperte seu Potencial (19h às 22h)
Dia 9 – Desenvolva sua Empresa (19h às 22h)
Dia 10 – Pesquisa de Mercado (10h às 12h), Como divulgar sua empresa (14h às 16h)
Dia 13 – Entendendo Custos, Despesas e Preço (19h às 21h)
Dia 16 – Administração Básica (10h às 12h)

.: Enxaqueca pós-eleições 2010: o eleitor tiriricou? :.

Uma tremenda dor de cabeça atacou hoje a Garota Enxaqueca, desde o início da manhã. Isso porque ela teve um terrível pesadelo durante a noite. Ao chegar ao escritório onde ela trabalha, seu humor estava péssimo. Logo, seu adorado colega de trabalho indagou:
- Bom dia! Nossa Garota Enxaqueca, você está com uma cara... O que aconteceu?
Sem muita vontade de conversar, ela respondeu:
- Estou com uma enxaqueca terrível. Dormi mal à noite e ainda por cima tive um pesadelo. Preciso dizer mais alguma coisa?
- Não, não! Respondeu seu colega, mas ele não conseguiu segurar a curiosidade e perguntou:
- Conte-me o seu pesadelo. Quem sabe isso ajudará a aliviar a sua enxaqueca.
- Nada poderá aliviar a minha enxaqueca. Acho que ela irá passar somente daqui a 4 anos.
Sem entender nada, o colega novamente indagou:
- Como assim?
- Puxa vida, tenho que explicar tudo para você! Disse irritada a Garota Enxaqueca, e continuou:
- Por acaso, você não lê jornal não? Estou indignada com o resultado das eleições e sonhei que estava na Ilha da Fantasia, assistindo a solenidade de apresentação dos novos deputados federais, no Congresso Nacional. Cheguei bem no momento que aquele palhaço do Tiririca estava se apresentando, e ele disse:
- Excelentíssimos “abestados” federais, que coisa maravilhosa estar aqui com vocês. Vamos celebrar esse momento aqui no circo federal cantando: Florentina, Florentina... Hoje tem marmelada? Tem sim senhor! Hoje tem palhaçada, tem sim senhor! Aliás, aqui isso é o que mais tem! Florentina, Florentina...
Cada vez mais irada, a Garota Enxaqueca continuou:
- Que palhaçada! Depois ele anunciou seu primeiro projeto de lei: a criação do Bolsa-Palhaço, com um kit para todo o povo paulista, em agradecimento pela votação expressiva dele. E você sabe o que tem nesse kit? Perguntou indignada para o seu colega:
- Não! O que?
- Um nariz de palhaço, um chapéu com orelhas de burro, e a letra da música: Florentina, Florentina..., que será o novo hino nacional! Ninguém merece, quero morrer! Ai minha enxaqueca...